Adesões de criatórios ao PMGS crescem pelo país

Notícias

Publicado em: 28 de junho de 2018
Adesões de criatórios ao PMGS crescem pelo país

Em seu primeiro ano de funcionamento, o PMGS (Programa de Melhoramento Genético da Raça Senepol) vem ampliando o número de rebanhos participantes. Até este mês de junho, 63 criatórios de várias regiões do país já aderiram ao programa. Para facilitar a participação dos criadores da raça, especialmente dos pequenos e médios rebanhos, a ABCB Senepol dividiu o tipo de adesão em até 8 níveis diferentes, iniciando no nível 1 com  25% de adesão com o Serviço de Registro Genealógico e chegando a 100% no nível 8 com a oferta de todos os pilares do PMGS (Registro Genealógico, Provas Zootécnicas/Avaliação, Melhoramento Genético Geneplus/Embrapa e Informação Genômica). Outra vantagem é que não há cobrança de taxa de adesão. É cobrado apenas o valor do serviço solicitado.

Para o presidente da ABCB Senepol, o número significativo de fazendas participantes demonstra a preocupação dos criadores com o melhoramento genético da raça e a confiança no trabalho da entidade. “ Não tem como chegar ao consumidor final se a base de melhoramento e seleção genética também não estiver estruturada e bem coordenada. Por isso, o PMGS é uma ferramenta segura para o criador agregar qualidade genética a seu rebanho, além de aumentar de forma sustentável a produtividade e a competitividade da raça”, assegura.

Lançamentos – A ABCB Senepol fará o lançamento durante o II Seminário Internacional da Raça Senepol, no dia 4 de setembro, dos dois selos de certificação do PMGS. Eles serão emitidos aos criatórios que aderirem ao programa, nos níveis de 5 a 8. Um dos selos é o PMGS Approved, destinado aos criatórios que adotam práticas e condutas alinhadas às atuais exigências de mercado relacionadas à sustentabilidade da pecuária. Já o PMGS Senepol Quality Assurance é um selo de certificação de carnes produzidas a partir da genética de animais Senepol participantes do PMGS. Ele garante que o animal abatido tem o padrão racial definido pelo programa de melhoramento e é procedente de um criatório que segue as melhores práticas na criação. “Esse é um projeto que começa no pasto, nos criatórios de genética participantes do PMGS, e chega ao prato através das redes de varejo Pilotos, com o Selo SQA – SENEPOL QUALITY ASSURANCE”, explica o presidente.

Os criatórios com selo PMGS Approved e com 100% de adesão ao PMGS poderão ainda participar do programa internacional Brazilian Senepol, cujo lançamento ocorrerá entre 2019 e 2020.

Compartilhar

Email Facebook Google LinkedIn Pinterest Twitter Print