ABCB Senepol divulga o resultado da primeira etapa do curso de técnico

Notícias

Publicado em: 19 de novembro de 2015
ABCB Senepol divulga o resultado da primeira etapa do curso de técnico

Motivada pela demanda do SRG (Serviço de Registro Genealógico) e do volume de criadores em vários Estados, a Associação promoveu o Curso Intensivo de Capacitação para novos Técnicos da Raça Senepol

            O curso que aconteceu na última semana (de 10 a 13 de novembro), estimulado pelo crescimento do volume de Serviço de Registro Genealógico (SRG) e dos criadores associados da Associação Brasileira dos Criadores de Bovinos Senepol (ABCB Senepol), evidencia os aprovados na primeira etapa. A intenção com realização do Curso Intensivo de Capacitação Técnica da Raça Senepol é ampliar o número de técnicos atuantes, a fim de melhor atender os associados.

IMG-20151119-WA0019

            A primeira seleção dos candidatos foi realizada pela análise de currículo e triagem de acordo com o local de atuação do técnico aspirante. Por isso, dos 58 currículos recebidos pela Associação, 28 deles foram selecionados, sendo que 25 confirmaram a presença no curso. De acordo com o superintendente técnico da ABCB Senepol, Celso Menezes, as inscrições foram limitadas para que houvesse uma alta qualidade e grande aproveitamento durante a realização do curso.

Em seguida, os participantes acompanharam várias aulas, conhecendo a origem e histórico, programas de seleção e informações técnicas destinadas ao registro dos animais, assim como critérios desclassificatórios. O grupo participou de aulas em campo na Estância Goudard, realizou exercícios práticos e passaram por uma prova de caráter classificatório.

“Foi notável que os técnicos que participaram estavam muito interessados e focados na busca de conhecimento sobre a raça Senepol, percebemos nitidamente que o grupo era de alto nível, com conhecimento técnico e experiência no campo. Provavelmente cerca de 50% dos participantes aprovados na primeira parte do curso vão continuar nos demais processos para se efetivarem como técnicos”, declara Menezes.

O curso realizado faz parte de um fluxograma de preparo para que o técnico seja credenciado. Dessa forma, os aprovados realizarão a segunda fase, o estágio com a supervisão dos técnicos efetivos nas fazendas – atuação direta no campo -, e a aprovação para as fases subsequentes será o parecer favorável de pelo menos dois supervisores diferentes.

Berrante Comunicação

Por Karina Mamede

Confira a lista dos aprovados:  

Compartilhar

Email Facebook Google LinkedIn Pinterest Twitter Print