A raça preferida para o cruzamento industrial em todo o país – Revista Terra Boa Agronegócios

Notícias

Publicado em: 10 de julho de 2013
A raça preferida para o cruzamento industrial em todo o país – Revista Terra Boa Agronegócios

A raça Senepol ganhou destaque na Revista Terra Boa Agronegócios, edição 08 de Junho e Julho de 2013. O taurino vermelho foi matéria de capa da Revista que trouxe todas as informações sobre Heterose a pasto.

Confira a matéria:

A raça preferida para o cruzamento industrial em todo o país

Parece uma façanha que a raça Senepol tenha se estabelecido e se propagado de forma tão consagradora desde a sua chegada ao Brasil.

Entretanto, seus atributos foram colocados à prova, de forma quase simultânea por três frentes, em regiões distintas e com finalidades diversas, e, não por acaso, a raça venceu todos os desafios.

No extremo Norte, Rondônia, chegaram animais vivos que por lá resistiram, multiplicaram-se e se propagaram por toda a região. Ao Sudeste chegaram embriões congelados, doadoras de embriões e touros de sêmen. E no Centro- Oeste, realizaram inseminações de grandes rebanhos de F1 produzindo o tricross e tirando assim, e desde então, o cruzamento industrial da encruzilhada do prosseguimento.

Em todas essas frentes, regiões e objetivos, desde os primórdios, não se conhece um só relato de fracasso, só sucessos. “A chegada do Senepol ao Brasil ocorreu no período em que o cruzamento industrial passava por momentos críticos, devido, principalmente, à falta de adaptabilidade dos taurinos aos trópicos. Portanto, o desafio foi enorme diante das várias promessas apresentadas até então. Diante disso, o Senepol teria que provar, como fez, que seria realmente o taurino dos trópicos e isto se deu graças a sua principal característica: a sua funcionalidade. “Quando assumimos a gestão de nossa associação, dentro de nosso planejamento (que felizmente estamos realizando de acordo com as prioridades estabelecidas), a nobre iniciativa, que é a ampla divulgação das potencialidades de nossa raça, era o que almejávamos com maior fervor para compartilhar com todos os pecuaristas brasileiros os benefícios do Senepol”, disse Gilmar Goudard, presidente ABCB (Associação Brasileira dos Criadores de Bovinos Senepol).

Para ler mais clique no título: Revista Terra Boa Agronegócios

Sem título

Compartilhar

Email Facebook Google LinkedIn Pinterest Twitter Print